(54) 3333-9000
(54) 99983-0259

INFORMATIVOS

CONTROLE DE PRAGAS NA CULTURA DA SOJA

A maior parte das lavouras implantadas com as cultivares de soja em nosso Município, sejam elas de técnologia RR1(Transgênica) ou de técnologia RR2 IPRO (Intacta), encontram-se estágio de desenvolvimento vegetativo em V3 E V4, algumas um pouco mais adiantadas.

Em vistorias realizadas nas ultimas semanas nas lavouras implantadas com as cultivares de soja com a técnologia RR1, foi diagnosticada a presença de lagartas do genêro Helicoverpa Spp, geralmente são encontradas nos folíolos ainda não abertos totalmente, um comportamento bem diferente de quando o ataque ocorre em plantas mais desenvolvidas.

Outra praga diagnosticada foi a presença de lagartas do genêro Spodopteras, onde na fase inicial da soja podem cortar as plantas ao nível do solo, causando perdas no stand de plantas da lavoura, também atacam as folhas, e em estágios mais avançados da soja atacam as vagens,sendo que a mesma pode atacar tanto as cultivares de soja RR1 quanto as cultivares de soja RR2,onde essa espécie não é afetada pela toxina Cry 1 AC.

Recomenda-se a aplicação de inseticidas fisiológicos e também de produtos de contato e ingestão de maneira preventiva dependendo da espécie e do tamanho de lagarta, onde o controle será eficiente devida a baixa infestação da praga, e também pelas mesmas encontrarem-se em estágios iniciais de desenvolvimento. O inseticida pode também ser aplicado juntamente com o glifosato na hora da dessecação.

Outra praga que devemos ficar atentos e que começam a aparacer na fase inicial de desenvolvimento da cultura da soja, é o Tamanduá-da-soja (Sternechus subsignatus). Geralmente é identificado pela coloração geral preta, com listras amarelas, onde os adultos raspam e desfiam os tecidos do caule e ramos, as larvas broqueiam as hastes das plantas formando uma galha caulina, composta de tecido modificado e quebradiço.

O Controle pode ser realizado com inseticidas a base de fipronil no tratamento de sementes ou aplicado na parte aérea, com pulverizador de barras tratorizado.

Maiores informações podem ser obtidas Junto ao Departamento Técnico da Coagril.

Técnico Agrícola Juliano Steffens.

 

 

 

 

Galeria de Fotos

 Clique nas imagens para ampliar

OUTROS INFORMATIVOS

COMO ESTÁ A ROTINA DE ORDENHA NA SUA PROPRIEDADE?

COMO ESTÁ A ROTINA DE ORDENHA NA SUA PROPRIEDADE?

LER MAIS
MANEJO E CONTROLE DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA

MANEJO E CONTROLE DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA

LER MAIS
Damping-off ou Tombamento (Rhizoctonia solani)

Damping-off ou Tombamento (Rhizoctonia solani)

LER MAIS